Como é feito o processo de fabricação do vergalhão?

Como é feito o processo de fabricação do vergalhão?

Quem acompanha o blog da Votoraço sabe o quão importante o vergalhão de aço é para a construção civil. Em decorrer, principalmente, das qualidades do aço, que é um material de baixo custo, 100% reciclável e bastante resistente. Dessa forma, o vergalhão de aço se tornou um produto indispensável em qualquer obra da engenharia civil moderna, sendo importantíssimo na composição do concreto armado. Mas você sabe como os vergalhões de aço são feitos? Continue lendo e descubra mais sobre esse material indispensável.

Como são fabricados os vergalhões de aço?

Na primeira etapa de criação dos vergalhões o ferro-gusa – derivado da redução do minério de ferro pelo carvão e calcário num alto-forno – é misturado com sucata de aço, em proporções que variam entre 60-40% ou 90-10%, respectivamente de sucata de aço e ferro gusa. Essas quantidades variam pois dependem dos valores e disponibilidades de matéria-prima, no momento da fabricação. A fusão entre esses dois materiais é feita em fornos elétricos ou alto-fornos, por meio de reações químicas de redução.

Após esse processo, o ferro fundido passa pelo processo de refinamento. Nos conversores de oxigênio é removido o excesso de carbono, diminuindo a quantidade de impurezas. Nesse ponto ele deixa de ser ferro e torna-se aço.

Forno-panela

Essa mistura que começou a dar forma ao aço é levada ao forno-panela para novo refinamento. Em seguida são feitos alguns tratamentos para otimizar algumas propriedades do material, como modificar sua estrutura cristalina ou reduzir suas tensões internas.

Depois de refinado, o aço é levado a um dispositivo de lingotamento contínuo. Moldado e resfriado, o aço é cortado nas dimensões já pré-estabelecidas, os chamados tarugos.

A última etapa de fabricação do aço é o processo de laminação. Reaquecido, tendo o seu diâmetro reduzido, o aço é laminado no formato de vergalhão ou fio maquina e então é resfriado.

No caso dos fios de aço (VS 60) ocorre mais um processo chamado de trefilação. Nele, o fio-máquina é trefilado, sem reaquecimento. No caso dos arames (ou fio de aço), o fio maquina é trefilado com posterior recozimento em fornos de tratamento térmico.

Principais características

Alguns detalhes e características diferenciam os vergalhões de aço entre si. As barras de aço VS 25, por exemplo, são obrigatoriamente lisas e sem nervuras ou entalhes. Já as barras VS 50 possuem nervuras, que são transversais oblíquas e longitudinais contínuas. O fio de aço VS 60 pode ser tanto liso quanto nervurado, porém se o seu diâmetro nominal for de 10 mm entalhes e nervuras tornam-se obrigatórios.

O fornecimento das barras ou fios de aço são de 12 m de comprimento. Mas os vergalhões de aço também podem ser adquiridos com outros comprimentos utilizando o serviço de corte e dobra Votoraço.

Como é classificado o vergalhão de aço?

Os vergalhões de aço podem ser classificados de acordo com o processo de produção. São considerados barras os vergalhões com diâmetro nominal a partir de 6,3 mm, obtidos pela laminação a quente e sem sofrer nenhum processo posterior de deformação mecânica. Os fios de aço são denominados quando o diâmetro nominal é de 10 mm ou inferior, sendo obtido por trefilação ou laminação a frio. Outra classificação é conforme o seu limite de escoamento mínimo: VS 25 (250 MPa), VS 50 (500MPa) e VS 60 (600MPa).

 

Agora você já conhece um pouco mais sobre o aço e vergalhões de aço, podendo verificar a melhor opção para a sua obra.

A Votoraço coloca a sua disposição o serviço de corte e dobra de vergalhões de aço e os outros produtos da marca. Somos referência no mercado brasileiro e um dos nossos diferenciais é o atendimento adequado e personalizado para você. Conheça o nosso site e fique por dentro dos nossos lançamentos. Quer saber mais sobre o aço e construção civil? Acompanhe o nosso blog!